Passar para o Conteúdo Principal

Santa Casa da
Misericórdia

Vila do Conde

Desde 1510 ao serviço da Comunidade.

Serviço de Psicogerontologia da SCMVC

Pin 30 anos lar sem letras 3 1 900 500
28 Junho 2019
As políticas de saúde pública, os progressos na medicina, os desenvolvimentos sociais e tecnológicos possibilitaram que as pessoas estejam atualmente a viver mais tempo. Assim, a população mundial está a envelhecer e a pirâmide do desenvolvimento da população está a começar a inverter-se (baixas taxas de natalidade e de mortalidade), o que constitui por um lado o sucesso dos avanços supracitados, mas por outro um desafio às sociedades na prestação de cuidados de qualidade no envelhecimento, dado que uma das consequências diretas é o aumento de doenças crónicas (ex: oncológicas, neurológicas, como as demências, entre outras). Portanto, este desafio adquire uma relevância inequívoca, no sentido em que nos remete para a consideração de diversas questões, como o desenvolvimento ao longo do ciclo de vida, o potenciar da qualidade de vida no envelhecimento, e o valor e as competências dos adultos mais velhos na sociedade, são apenas alguns exemplos referentes. A Santa Casa da Misericórdia de Vila do Conde, ao longo dos anos, tem estado sempre atenta à evolução da nossa sociedade e às necessidades sentidas pela mesma, portanto é neste sentido que compreende a relevância de um serviço de Psicogerontologia no seu Lar de Terceira Idade e que determina a sua existência há mais de 15 anos.

O serviço de Psicogerontologia do Lar de Terceira Idade foi-se organizando como um serviço integrante, em equipa multidisciplinar e em configuração transdisciplinar que atua agregando utentes, cuidadores (formais, informais, primários e secundários), uma equipa que consiste em Psicólogos, Psicólogos Estagiários, Médicos, Psiquiatra, Enfermeiros, Diretora de Serviço, Assistentes Sociais, Nutricionista, Terapeuta da fala, Fisioterapeuta, entre outros, numa procura de solucionar as dificuldades e as necessidades dos adultos mais velhos e das suas famílias a quem prestamos serviços. Ao longo deste período, o serviço produziu, desenvolveu e potenciou um conjunto de funções capazes de responder eficazmente às necessidades / expectativas dos seus beneficiários:

Ao nível da Avaliação e Intervenção com Utentes:
  • Avaliação Psicológica / Neuropsicológica e a sua Monitorização: avaliação das alterações emocionais, comportamentais, cognitivas, funcionais e da qualidade de vida, de forma a definir e a implementar a metodologia de intervenção mais apropriada para cada utente;
  • Relatórios do Exame Psicológico / Neuropsicológicos;
  • Intervenção Psicoterapêutica: Modelo Cognitivo – Comportamental (1.ª, 2.ª e 3.ª geração); Terapia da Reminiscência, Terapia da Validação, Terapia Familiar Sistémica, Musicoterapia e Intervenção em Crise, intervenções estas que podem adotar formatos de Intervenção Individual e / ou em Grupo;
  • Reabilitação / Estimulação cognitiva e sensorial (Sessões de Estimulação Cognitiva Global; Sessões de Treino Cognitivo – Níveis Ligeiro / Moderado; Sessões de Estimulação Multissensorial e de Psicomotricidade – Formatos de grupo e / ou individual): visam reabilitar e / ou estimular o funcionamento cognitivo e sensorial, tal como promover sentimentos de autoconfiança, socialização e partilha com o grupo;
  • Planos individuais de intervenção de utentes com a Equipa Multidisciplinar Operacional: avaliação dos problemas / necessidades, potencialidades e expectativas do utente e da sua família, de forma a estabelecer objetivos específicos, estratégias de intervenção e indicadores a atingir para cada utente;
  • Investigação e desenvolvimento: torna-se essencial desenvolver investigação, para promover conhecimentos e aptidões no que concerne à avaliação e intervenções no acompanhamento dos adultos mais velhos; assim, este serviço procura desenvolver e aferir instrumentos de avaliação e intervenção psicológica / neuropsicológica (ex: protocolo de avaliação neuropsicológica, instrumentos ao nível da qualidade vida); tal como efetua tratamento de dados que permitem aferir a eficácia dos tratamentos aplicados (ex: treino cognitivo, intervenção psicoterapêutica, grupos de apoio e suporte);
  • Colaboração com Gabinete Jurídico da Instituição nos processos do Maior Acompanhado sempre que estes expressam o seu consentimento informado, de forma a colaborar na defesa dos direitos humanos e liberdades fundamentais dos adultos mais velhos;
  • Colaboração com departamento da Qualidade da Instituição: Criação e revisão de procedimentos (ex: maus-tratos; emergência psiquiátrica; avaliação psicológica e intervenção psicoterapêutica);
  • Colaboração com o departamento de atividades do Lar de Terceira Idade, no sentido de avaliar / realizar atividades de lazer / ocupacionais / intercâmbios intergeracionais que acrescentem valor e motivação para os utentes;
  • Colaboração em equipa multidisciplinar de gestão, nos projetos de vida das pessoas e famílias que acompanhamos nesta etapa das suas vidas: procurar e refletir o funcionamento mais adequado para todo o sistema;
  • Orientação de Estágios Profissionais e Académicos, contribuindo assim para a formação de novos profissionais e oportunidades de estágios na área da Psicologia Clinica e da Saúde e em particular da Psicogerontologia e Neuropsicologia;
  • Panfletos Psicoeducativos (Envelhecimento ativo e Qualidade de Vida, Demências, Depressão, Maus-tratos, entre outros).

Ao nível da Avaliação e Intervenção com Cuidadores:

  • Consultadoria aos Cuidadores - Formais, Informais, Primários e Secundários (Famílias, Responsáveis e Colaboradores): a partilha de conhecimento e de formas de intervenção reciprocas que contribuam para o reforço das capacidades e competências na gestão de dificuldades e / ou doença do adulto mais velho, tal como no potenciar da qualidade das relações familiares e profissionais;
  • Avaliação Psicológica e Intervenção Psicoterapêutica: Modelo Cognitivo - Comportamental;
  • Ações Formativas / Informativas para Equipa Multidisciplinar Gestão e Operacional / Colaboradores: Formação inicial em Psicogerontologia, Maus-tratos, Burnout, Demência, Gestão de Stress e de Conflitos, Perturbações psiquiátricas, Envelhecimento ativo e Qualidade de Vida, entre outros;
  • Coordenação e Realização de Sessões “Anti-Burnout” em Equipa Multidisciplinar para Cuidadores na Demência - Grupos de Apoio e Suporte: é um programa Psicoeducativo que informa acerca da demência, impacto nos cuidadores e formas de lidar positivamente em termos comunicacionais e comportamentais com a doença. Tal como, quais os cuidados ao nível das atividades da vida diária e adequação da alimentação à medida que a doença progride; respostas económico-sociais; sistema jurídico e demência; estratégias de reabilitação / estimulação cognitiva e sensorial na demência e, por fim, gestão de stresse e estratégias de coping para os cuidadores;
  • Organização de eventos em Psicogerontologia: Coordenação e Realização da I Reunião "Anti-Burnout para Cuidadores na Demência";
  • Colaboração no Plano de Atividades “Anti-Burnout” para os Colaboradores: projetar e realizar atividades que diminuam o burnout e promovam a motivação dos colaboradores: Sessões de Relaxamento para Colaboradores, Comemoração Dia do Cuidador, Dia da Saúde Mental e Ações Motivacionais Breves em contexto laboral, entre outros.

Este Serviço de Psicogerontologia do Lar de Terceira Idade foi então desenhado num formato acessível, flexível, multidisciplinar, interdisciplinar e transdisciplinar de forma a que possa responder às necessidades dos utentes mas também dos demais intervenientes nesta etapa do desenvolvimento humano, proporcionando assim saúde mental, intervenção precoce, reabilitação / intervenção com base em tratamentos empiricamente validados e prevenção. Com este serviço, procuramos fundamentalmente numa abordagem holística efetuar uma intervenção de “atenção centrada na pessoa” que seja capaz de assegurar a triagem das suas necessidades, expectativas e potencialidades, de forma a contribuir para um envelhecimento ativo e com sentido, qualidade de vida e empoderamento psicológico enquanto adulto mais velho.

O serviço de Psicogerontologia agradece a todos os utentes, cuidadores, técnicos / técnicos estagiários, diretora do Lar de Terceira Idade, serviços e departamentos do Lar de Terceira Idade e da SCMVC nas pessoas do Sr. Provedor, Eng.º Arlindo Maia, e da Diretora Geral, Sr.ª Dr.ª Conceição Antunes, a construção conjunta de um serviço de Psicogerontologia que se movimenta diariamente na procura da excelência na prestação de cuidados aos adultos mais velhos.

Dr.ª Maria Sameiro Maio
Psicóloga da SCMVC