Passar para o Conteúdo Principal

Santa Casa da
Misericórdia

Vila do Conde

Desde 1510 ao serviço da Comunidade.

SCMVC - Estado atual do Plano de Contigência

Santa casa 2   horizontal s 1 900 500
13 Março 2020
SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE VILA DO CONDE
ESTADO ATUAL DO PLANO DE CONTIGÊNCIA

A Santa Casa da Misericórdia de Vila do Conde, face ao cenário epidemiológico por COVID-19, desenvolveu um Plano de Contingência Institucional, que tem sido adaptado às constantes atualizações da Direção Geral de Saúde (DGS), Organização Mundial de Saúde (OMS), Centro para Prevenção e Controlo de Doenças (CDC), assim como o alinhamento com as atuais medidas governamentais.

Na primeira fase da implementação deste plano de contingência, a Instituição formou profissionais e sensibilizou famílias, tendo adaptado procedimentos internos e disponibilizado recursos e meios, para fazer face ao atual cenário de prevenção de contágio.
Numa segunda fase da implementação deste plano foram restringidas visitas aos utentes residentes e a circulação de pessoas externas aos serviços, assim como o reforço de todas as medidas relevantes de higienização.

Estamos atualmente em fase de mitigação nesta Instituição, tendo o início ocorrido no dia 11.03.2020, após a validação de um caso suspeito, em contexto de consulta externa no Serviço de Atendimento Permanente. Este foi confirmado como “caso positivo” no dia 12.03.2020 pela Delegação de Saúde local.
Ainda em período de confirmação, a Instituição procedeu à execução das medidas de higiene e contenção consideradas relevantes, assim como a quarentena imediata de todos os profissionais que contactaram diretamente com o “caso suspeito”.
Por articulação da Delegação de Saúde local, a Instituição procedeu ao encerramento temporário das Instalações do Serviço de Atendimento Permanente, para aplicação de medidas de desinfeção, ficando a abertura condicionada às orientações da mesma.

Nesta fase de mitigação, e atendendo ao atual cenário nacional de restrição de contactos sociais, a Instituição assumiu uma posição mais incisiva, reduzindo os serviços de saúde ao estritamente necessário, com o objetivo de proteção dos profissionais, utentes residentes e comunidade envolvente, assim como o fecho de alguns serviços (creches e jardins de infância, fisioterapia e centro interpretativo de memórias de vila do conde). Estão também cancelados eventos e todo tipo de cerimónias religiosas.

Este é um momento difícil para Portugal, para todos os profissionais da Instituição e comunidade envolvente, que encontram em nós, Santa Casa da Misericórdia de Vila do Conde, um porto de abrigo.

Aproveitámos novamente para apelar à contenção social, com restrição máxima de contactos e respeito por todas as medidas de higiene preconizadas, para que possamos retomar a normalidade o mais brevemente possível.

Contámos com a compreensão da comunidade para nos ajudar a manter o foco principal da Missão desta Instituição, que é o apoio às famílias e aos utentes que estão à nossa guarda.

Enaltecemos a atitude incansável e proactiva dos nossos profissionais neste momento!


Vila do Conde, 13 de março de 2020

O Provedor
Arlindo de Azevedo Maia, Eng.